Divider Background

TRANCOSO

Trancoso é uma cidade encantadora. São praias de águas mornas e transparentes que espelham o céu; falésias, coqueirais, mangues, rios, a mistura de raças e credos, além do forte apelo histórico, o "berço de um novo povo" que fazem de Trancoso um dos destinos mais descolados do país.

Com construções coloridas, da época do descobrimento (urbanização típica dos jesuítas, século 16), um sorriso é inevitável. E só vai entender, quem tiver a oportunidade de num final de tarde ensolarado, sentar-se em uma das cadeiras coloridas que estão em todo o Quadrado e ver a roda de capoeira que se forma, o jogo de futebol, o passeio à cavalo e ver o tempo passar nos tons de dourado e nos movimentos das crianças brincando.

Cortando o Quadrado em direção a igreja de São João Batista (1586)... vento, ar puro e uma visão da praia dos nativos - a areia dourada e o mar azul de céu só não parecem uma pintura por causa do balançar dos coqueiros lá em baixo ou de uma canoa e outra passeando pelo rio.

O Quadrado

De fato é o caldeirão do vilarejo descoberto pelos hippies nos anos 70. Um vai e vem calmo de gente de todos os cantos do mundo e do Brasil. Restaurantes, bares, lojas de artesanato, ateliês e pousadas ocupam as construções da época do descobrimento (pelo menos as fachadas se mantém originais). À noite, à iluminação de velas, um barzinho e um som no Quadrado pegam bem. E para voltar à cena imaginária do paraíso, basta olhar para o céu e vê-lo forrado de estrelas.

Praias

As praias dos Nativos e dos Coqueiros ficam bem perto do centro da vila, as demais devem ser percorridas a pé ou em barco, pois elas são protegidas pelo Rio Trancoso e por uma grande área de mangue, o que impede a passagem de carros. Cerca de 12Km de praia unem os distritos de Arraial d'Ajuda e Trancoso e caminhar de um a outro é uma boa opção.

FOTOS